Você sabia que joias e semijoias não são a mesma coisa? Apesar dessas peças possuírem a mesma finalidade, existem algumas peculiaridades que diferenciam uma da outra.

A principal discrepância entre esses acessórios são a qualidade do material, design da peça e o valor.

Tendo em vista que a primeira opção é a que possui a qualidade melhor do material e o preço um pouco mais elevado, e a segunda opção possui o material e preço mediano.

No então, é muito importante saber diferenciar um tipo de peça da outra, pois é facilmente comum confundir uma semijoia com joia.

Se você deseja saber mais a respeito de joias e semijoias, venha com a Hésttia e fique até o final dessa Leitura.

Joias e semijoias: O que são joias?

As joias possuem em sua composição um material muito mais resistentes e totalmente nobre e precioso. Como, por exemplo, a prata e o ouro que atualmente é um dos elementos mais utilizados na confecção de joias.

As joias por serem produzidas a partir de um material considerado nobre, consegue ter uma durabilidade maior, chegando a ser até um acessório que tem capacidade de durar décadas e podendo ser repassados por várias gerações e continuar com uma boa aparência, isso desde que seja feito a manutenção adequada no tempo estipulado que cada joia.

Os custos das joias são um pouco mais elevados porque além de serem feitos de materiais nobres como citado acima, conseguimos encontrar algumas joias com design exclusivo e assinado por designers famosos dessa área.

Conseguimos encontrar neste mercado de joias  além de diferentes técnicas de acabamentos da peça, a elaboração de joias com minérios de grande valor como pérolas e pedras preciosas como:

A utilização de minérios juntamente com as joias além de agregar valor e beleza à peça consegue também apresentar diferentes formatos.

A utilização de todos esses materiais na hora da produção desse tipo de produto acaba somando um alto valor para o acessório, fazendo com que a jóia seja uma das mais caras e valiosas do mercado.

Em geral, como essas peças possuem um valor mais elevado no mercado, elas são usadas para eventos especiais como formaturas, noivados e casamentos.

Lembrando também que existem aqueles que usam joias diariamente e são constantes em seu visual.

É muito importante ressaltar também que esses acessórios são muito sensíveis à altas temperaturas e a luz do sol.

Tendo em vista que é preciso ter um certo cuidado porque elas são facilmente manchadas se entrarem em contato com produtos químicos e cosméticos.

joias e semijoias
joias e semijoias

Joias e semijoias: O que são semijoias? 

No caso das semijoias elas são o meio termo entre as joias e bijuterias, esse tipo de peça tenta se assemelhar ao máximo possível à joias verdadeiras.

E o que pode definir que uma peça seja quase uma joia é o revestimento ou banho de um material nobre.

Diferente do processo de confecção das joias, na fundição das semijoias é utilizado uma matéria-prima mais barata e menos nobres como latão, estanho ou bronze.

E no caso dessas peças, para elas ganharem o status de semijoias é preciso que elas passem por um banho especial, onde matérias nobres como ouro e prata serão aplicadas por várias camadas apenas na parte externa da peça.

Os materiais nobres serão aplicados através de um banho ou folheado na peça, com o intuito de trazer mais durabilidade, resistência, brilho, beleza e serem antialérgicos a fim de reduzir a chances de problemas com a pele.

As semijoias por levarem os materiais mais valiosos e preciosos apenas em sua camada externa, elas se tornam muito mais em conta do que de fato as joias verdadeiras.

Podendo ser utilizados também juntamente com pedras semipreciosas como:

Geralmente, por as semijoias possuírem um acabamento similar a joias, é preciso de muita atenção para conseguir distinguir visualmente uma semijoia de uma joia verdadeira, já que ambas possuem na finalização da peça materiais muito parecidos.

E uma outra forma mais fácil de conseguir diferenciar uma peça da outra, é ser levado em consideração o preço dos produtos que estão sendo vendidos.  

Deixando em evidência também que as semijoias apesar de possuírem em sua composição um material inferior, pelo fato de sua superfície conter um material nobre a semijoias se tornam bastante duráveis, e permanecer com uma boa aparência desde que tenha manutenção e bom uso com a peça.

joias e semijoias
joias e semijoias

Joias e semijoias: O que são bijuterias?

As bijuterias são peças que possuem matérias mais simples em sua composição e um valor muito inferior entre as categorias citadas acima.

Por justamente serem produzidas por materiais mais simples e pouco nobres raramente serão encontradas bijuterias com banhos de prata e ouro. 

O principal atrativo que as bijuterias possuem para quem as utilizam é em relação ao seu preço, pois esses acessórios possui um valor inferior se comparado às joias e semijoias.

Porém além da qualidade ser inferior às outras, o acabamento desse tipo de peça também será inferior, de maneira que o acabamento da peça será apenas com tinta dourada ou prateada para a função de envernizar a peça.

Para alguns casos pode ser realizado um processo denominado como flash de ouro onde a peça irá possuir uma camada bem fina de ouro.

Mas apesar desse tipo de peça receber revestimento e acabamento com tinta ou pelo processo denominado como flash, essa peça irá perder facilmente o brilho entrando apenas em contato com o suor e a pele.

Por não se tratar de um produto banhado ou folheado, terá pouca durabilidade e fácil oxidação.

Um fato que não ajuda em relação à durabilidade das bijuterias é que elas possuem pedras que geralmente são fabricadas de plástico e coladas na peça e também em relação à dificuldade de restauração, de maneira que é bastante difícil saber quais os materiais que foram utilizados em sua fabricação.

Outro fato importante também a respeito das bijuterias é que elas possuem em sua composição materiais como níquel, que para quem as utilizam está sujeito a ter irritações e alergias, que isso raramente acontece quando se trata de materiais nobres. 

Tendo em vista então que o material das bijuterias são de baixa qualidade e que é um produto de menor preço em todas as categorias, o design das bijuterias não são nada exclusivos e podem ser encontrados em diferentes locais por atacado.

Sendo então uma peça que não irá durar uma vida inteira.

joias e semijoias
joias e semijoias

Joias e semijoias: Como identificar uma semijoia?

Hoje em dia, muitas pessoas ainda ficam em dúvidas em relação a como identificar uma semijoia, à primeira vista as diferenças são muito sutis sendo necessário possuir conhecimento para conseguir diferenciar facilmente a olho nu.

É comum acontecer em lugares que não possuem produtos de qualidade ser realizado a compra de uma semijoia e logo com pouco tempo de uso a peça já começa a escurecer ou perder o banho.

E depois disso, na hora de adquirir novos acessórios vem a dúvida se aquele produto é de qualidade ou não. 

Tendo em vista isto para que você adquira um produto de boa procedência é importante que você observe alguns pontos para identificar uma semijoia de qualidade como:

Além dos pontos citados acima, procurar saber a respeito da opinião de pessoas que já compraram o produto, mesmo que não pareça, é um ponto bastante importante que ajuda na questão de tirar dúvidas e determinar se a loja ou o produto é de boa qualidade para você realizar a sua compra.

Qual é o melhor? Joia de prata ou semijoia?

As peças produzidas em materiais de prata também são considerado um metal nobre.

Mas diferentemente de outras joias, dependendo da prata utilizada conseguimos encontrar peças que são até mais acessíveis que produtos fabricados em ouro.  

E dessa forma como já citado acima, por joias de prata também serem produzidas por um metal nobre, e conseguirem ter um design mais exclusivo, claramente a joia de prata se torna uma opção bem relevante em relação a semijoia, devido a inúmeros fatores superiores como durabilidade, aparência, acabamento, garantia e entre outros fatores. 

E se você estiver a procura de um acessório diferenciado, que possui qualidade e durabilidade e que consiga te trazer lembranças, histórias e elegância, as joias em prata conseguem ser a melhor opção de escolha.

Prata ou ouro
Prata ou ouro

Quanto tempo dura uma semijoia?

A semijoia possui um tempo médio de duração de até dois anos. Tendo em vista que esse tempo pode ser mais longo ou mais curto, isso vai depender dos cuidados e manutenção prestados à peça.  

Brilho

Em relação ao brilho, tanto as joias como as semijoias possuem em suas peças um forte brilho, de maneira que é fácil confundir ambas. Já em relação às bijuterias é mais fácil identificar a diferença do brilho entre as três opções.   

Pedras e pérolas

Quando se trata de pedrarias existem grandes diferenças entre joias e semijoias e também bijuterias. Uma das diferenças é em relação ao material utilizado e a outra é referente a colagem das peças.

Onde as joias são cravejadas com pedras preciosas, as semijoias também são cravejadas mais é utilizado pedras semipreciosas e as bijuterias são utilizados materiais como vidro e plástico e não possuem pedras cravejadas e sim coladas. 

E em relação às pérolas, elas são materiais extremamente clássicos e charmosos quando utilizados em joias e semijoias.

Já em relação às bijuterias as pérolas são feitas de materiais sintéticos, que são bem inferiores aos naturais, assim possuem baixa qualidade e podem arranhar ou descascar visualmente.      

Qual a diferença de Banho e folheado?

O folheado consiste em um processo em que uma folha bem fina de material nobre é colocado sobre a peça que será realizado o procedimento em questão, e depois a folha será prensada juntamente a peça para que consiga pegar a aderência da folha.

E hoje o folheado é um processo muito comum utilizado em acessórios como brincos, cordões e pulseiras.

Agora quando falamos em acessórios banhados a ouro, por exemplo, ou outros materiais nobres, o processo utilizado para realização do banho é conhecido como galvanoplastia, que consiste em nada mais que a exposição da peça em diferentes etapas, metais e produtos químicos, para que a peça consiga se tornar de qualidade.

Por isso, quando é falado sobre banhos de joias e semijoias é interpretado literalmente, pois esse processo realmente banha a peça por diversas vezes em diferentes produtos químicos para melhorar a qualidade do produto. 

A submersão da peça nesse tipo de procedimento consegue ser bem intensa e bastante duradoura devido aos materiais nobres utilizados.

E finalizado esse processo de banho uma peça bem simples é considerada uma semijoia enobrecida.

E logo após ser realizado o banho além da peça ganhar mais durabilidade, ela se tornará hipoalergênico, ganhará mais cor, brilho, beleza e elegância.  

Por fim, conseguimos compreender neste artigo muito a respeito de joias e semijoias e sobre bijuterias, e se você deseja saber mais a respeito desse assunto, entre em contato com a Hésttia uma loja que possui acessórios de excelente qualidade!

Banho ou folheado
Banho ou folheado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.